Início » Noticia » Mais de mil atendimentos são registrados no Jurunas durante ação do TerPaz
  • Increase
  • Decrease

Current Size: 100%

Mais de mil atendimentos são registrados no Jurunas durante ação do TerPaz

sábado, 23 Novembro, 2019

 

A manhã deste sábado (23) foi agitada na Escola Estadual Camilo Salgado, no bairro do Jurunas, em Belém. Muitas pessoas receberam os mais de 30 serviços, oferecidos por diversos órgãos públicos durante o lançamento oficial do Programa Territórios Pela Paz (TerPaz), coordenado pela Secretaria de Estado de Articulação da Cidadania (SEAC).

A manicure, Melry Cruz, aproveitou para emitir a 2ª via da identidade. “Achei excelente esse serviço porque com o tempo a minha identidade se deteriorou e, devido à correria do dia, é difícil se deslocar para tirar uma nova via, mas com ações como essa, vindo até o bairro, fica muito melhor”, contou a moradora.

E este tipo de serviço foi um dos mais procurados. Segundo a coordenação do TerPaz no Jurunas, foram emitidos 500 documentos entre carteiras de identidade e certidões de nascimento. Na área da saúde, as consultas médicas, vacinas e testes rápidos entre outros, somaram cerca de 600 atendimentos.

Várias atividades recreativas e esportivas foram oferecidas para os jovens. Os estudantes Lucas da Costa e Robert Patrick estavam concentrados em uma partida de Xadrez. “Já joguei bola, ping pong  e agora estou ganhando essa partida de Xadrez”, comemorou Lucas. “O que estamos trazendo aqui são as atividades do projeto ‘Espaços Abertos’ onde oferecemos aos jovens esportes de inclusão para aproximar a comunidade e promover essa interação entre todos”, contou Nilson Lima, diretor de ações estratégicas do ParáPaz.

Para a diretora da escola, Alinne Castro, a entrada do TerPaz no Jurunas veio somar com a comunidade. “Além de diretora eu também sou moradora do Jurunas desde que eu nasci, então eu conheço a realidade do bairro e creio que ações como essa, que o TerPaz está fazendo, vai ajudar muita gente que precisa”, disse emocionada.

Redução da violência - De acordo com a Secretaria de Inteligência e Análise Criminal (SIAC), vinculada a Segup, o período de 1 a 21 de novembro de 2019 demostrou uma queda nos índices de violência no bairro do Jurunas, em relação ao ano anterior. Houve a redução de 75% de homicídios e 24% nos casos de roubos. No dado acumulado, de 1º de janeiro a 21 de novembro, houve a diminuição de 100% nos casos de latrocínio, 54% dos registros de homicídios e 35% de roubos, ao comparar os anos de 2018 e 2019.

“No mês passado realizamos o Choque Operacional nas ruas do Jurunas e agora entramos na terceira etapa do processo que é esse suporte no eixo social, realizando um levantamento de rede de proteção com a comunidade, operando também dentro das escolas com programas educacionais de prevenção e combate às drogas, uma forma de estar mais próximo aos jovens e a comunidade em geral”, explicou o Comandante do 20º Batalhão da Polícia Militar, o Tenente Coronel Wilson Araújo.

A entrada do Jurunas no TerPaz representa a implementação do último território da Região Metropolitana de Belém a ser alcançado pelas ações de políticas públicas mais próximas da comunidade. Com a inclusão do bairro, o programa agora atende sete locais: Guamá, Terra Firme, Benguí, Cabanagem, Icuí, em Ananindeua e Nova União, em Marituba. “Estamos no quinto mês do TerPaz e já somamos cerca de 48 mil atendimentos nos territórios, os índices de violência estão caindo, graças a um conjunto de ações que estamos desenvolvendo em parceria com vários órgãos públicos. São as políticas públicas do governo chegando para ficar nos bairros”, contou Ricardo Balestreri, secretário de Articulação da Cidadania.

 

Por Paulo Garcia (SEAC)