Início da busca
Início do Conteúdo
Versão para impressãoEnvie por email

Com a proximidade do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que, neste ano, acontece no início do mês de novembro, as escolas da rede estadual de ensino estão intensificando a preparação dos alunos, através de baterias de aulas extras, simulados, entre outras ações, como é o caso do programa Pro Paz Enem, uma parceria da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) com o programa Pro Paz.

No último sábado, 23, o Pro Paz Enem esteve em Marabá e Breves, respectivamente no sudeste paraense e no Marajó. Em Marabá, foram ministradas aulas de reforço para mais de 600 alunos, não só das redes pública e privada do município, como também de cidades próximas, a exemplo de Bom Jesus, Itupiranga e Nova Ipixuna. O evento contou com o apoio, também, da prefeitura e ocorreu no auditório de uma faculdade privada. Professores da rede estadual de Marabá se uniram aos professores do Pro Paz Enem e tornaram as aulas ainda mais dinâmicas.

Em Breves, o evento foi realizado no auditório do Centro de Desenvolvimento Educacional e Profissional (Cedep) e contou com a participação de 400 alunos. Esta foi a terceira vez que o Pro Paz Enem esteve em Breves neste ano e, durante a manhã, foram ministradas aulas de Matemática, Biologia e Química e, à tarde, as aulas foram das disciplinas Língua Portuguesa, Redação e Sociologia.

Já em Belém, a Escola Estadual Brigadeiro Fontenelle, na Terra Firme, promoveu mais um sábado de aulões para o Enem. A iniciativa acontece desde o início do ano e foi uma resposta da escola a um pedido dos estudantes abraçado pelos professores, que se disponibilizam a dar aulas de reforço aos sábados de maneira totalmente voluntária. “Sempre que percebemos o esforço de um aluno no sentido de se interessar em estudar, de querer passar nos vestibulares, isso nos estimula a dar o melhor de nós”, destacou o professor de matemática da escola, Juary Gonçalves.

O aluno Paulo Gadelha, de 17 anos, está no terceiro ano do Ensino Médio na Brigadeiro Fontenelle e faz questão de participar das aulas extras. “Para nós, isso é muito importante, pois nem todos têm condições de pagar um cursinho pré-vestibular e as aulas de reforço cumprem muito bem esse papel”, disse o rapaz, que pretende prestar vestibular para o curso de odontologia.   

Por Elck Oliveira

Em Belém, o aulão foi realizado no Centur e abordou o conteúdo do Enem com uma proposta mais dinâmica, deixando os estudantes mais atualizados e preparados.
PROPAZ Escola02, Outubro

Final de semana do Pro Paz Enem leva 800 alunos para a sala de aula

Os aulões do Pro Paz Enem lotaram auditórios e salas de aula neste final de semana. Juntos, professores da Secretaria...

Leia mais
PROPAZ Geral12, Setembro

Jovens de Parauapebas participam de aulões do Pro Paz Enem

Mais de 500 estudantes de Parauapebas que irão fazer a prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) participaram dos...

Leia mais
PROPAZ Escola03, Setembro

Pro Paz tem recorde de público em Curuçá, Abaetetuba e Tucuruí

Neste sábado (02) mais de 1300 jovens participaram de  aulas simultâneas do Pro Paz Enem nos municípios de...

Leia mais
PROPAZ Geral01, Setembro

Estado investirá quase R$ 50 milhões na melhoria de escolas

O Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), firmou nove convênios com prefeituras visando...

Leia mais