Início da busca
Início do Conteúdo
Versão para impressãoEnvie por email

Dezesseis crianças do projeto Pro Paz nos Bairros participaram de uma programação especial, na manhã desta terça-feira, 28, na sede do Pro Paz Mulher, que fica na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam). Os alunos dos cinco polos do projeto entregaram flores de papel e cartões com mensagens motivacionais às mulheres que foram em busca de algum tipo de atendimento. A homenagem encerra um ciclo de ações da Fundação Pro Paz no mês alusivo ao Dia Internacional da Mulher.

“Ao chegar aqui (Deam) e encontrar essas crianças, com essas mensagens de amor, me senti revigorada e fortalecida a lutar pelos meus direitos. É maravilhoso saber que o Pro Paz ensina esses meninos e meninas, desde cedo, a respeitarem a diversidade de gênero”, contou uma mulher de 30 anos, que preferiu não se identificar. Ela procurou pela primeira vez a delegacia para buscar medidas protetivas contra seu ex-marido.

Outra mulher que também pediu para não ser identificada, e que foi vítima de violência doméstica, ficou feliz com a surpresa e escolheu um dos cartões expostos num mural organizado na recepção da unidade. “Estou emocionada com esse acolhimento. É muito bom saber que essas crianças estão sendo ensinadas a combater a violência e a respeitar mais o ser humano, independentemente se é homem ou mulher”, declarou.

A menina Bianca Silva (9), que mora no bairro Guamá e frequenta as atividades no polo do Pro Paz nos Bairros UFPA, disse que a visita tinha um cunho educativo. “Durante este mês nós nos esforçamos muito para escrever os cartões e aprendemos a fazer as flores de papel. Achei muito legal ouvir das mulheres o que elas sentem. Foi tudo muito emocionante”, detalhou Bianca.

Para Naiana Santos, coordenadora do Pro Paz Integrado, cujo Pro Paz Mulher faz parte, esse momento é de troca de experiências, de conhecimento e sensibilização das crianças no processo de Cultura de Paz. “Não temos dúvidas de que essas crianças sairão daqui com uma mensagem positiva sobre o enfrentamento à violência contra as mulheres. Por outro lado, temos a certeza de que o acolhimento das mulheres atendidas hoje foi especial, pois a mensagem de amor e força foi repassada de forma muito simples, mas verdadeira e carinhosa”, observou a coordenadora.

Em março, o Governo do Pará executou ações da campanha “Respeito às Mulheres em suas Diversidades”, por meio das secretarias de Estado de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh), de Segurança Pública e Defesa Social (Segup) e de Comunicação (Secom), além da Fundação Pro Paz. O objetivo da campanha foi induzir à reflexão e ação no combate à violência contra as mulheres.

Por Nil Muniz

PROPAZ Integrado17, Outubro

Palestra em canteiro de obras aborda a violência doméstica

A violência doméstica foi tema da palestra do Pro Paz ministrada em um canteiro de obra. Foto: Rodolfo Oliveria /...

Leia mais
PROPAZ Integrado10, Agosto

Pro Paz é destaque durante encontro de ações sociais em Brasília

Um dos maiores e melhores programas de inclusão e proteção social já criados por um governo de estado foi destaque...

Leia mais
PROPAZ Mulher07, Agosto

Atuação do Pro Paz Mulher é destaque nos 11 anos da lei Maria da Penha

A Lei Maria da Penha completa 11 anos no próximo dia 7 de agosto e se consolida como a mais importante ferramenta...

Leia mais
PROPAZ Mulher26, Março

Realidade Virtual é usada como ferramenta na prevenção da violência

O agente de trânsito Gilson Ribeiro, 39 anos, aproveitou a tarde deste sábado, 25, para levar sua filha Camila, de 7...

Leia mais