Início » Noticia » Atividades esportivas na ParáPaz promovem saúde e inclusão social para crianças e adolescentes
  • Increase
  • Decrease

Current Size: 100%

Atividades esportivas na ParáPaz promovem saúde e inclusão social para crianças e adolescentes

quarta-feira, 22 Janeiro, 2020

Inscrições para 2020 seguem até o dia 31 de janeiro

Ao ser questionado sobre o que mais gosta nas atividades oferecidas pela Fundação ParáPaz, Marcos Brito, de 9 anos, responde: “gosto dos professores! Eles são legais e me ajudam a aprender várias coisas. Também gosto muito de jogar bola!”. A criança frequenta o polo ParáPaz em Marituba (na Região Metropolitana de Belém) desde o ano passado, atividade que tem total aprovação de sua mãe, a dona de casa, Lucinélia Brito. “Ele está mais comportado e as notas melhoraram na escola”, contou.

Marcos integra o quadro de crianças e adolescentes - em situação de vulnerabilidade social - atendidos pela Fundação ParáPaz, na Região Metropolitana em Belém, para a realização de atividades esportivas e educativas. O objetivo da iniciativa é mostrar para jovens de 8 a 18 anos a importância da cidadania e igualdade através da prática de esporte e lazer.  São 9 polos que oferecem atividades como jogos e brincadeiras, futsal, futebol de campo, handebol, basquete, vôlei, atletismo, tênis de mesa, entre outras modalidades. Em 2019, foram mais de 3 mil crianças e adolescentes inscritos nas atividades esportivas da fundação. 

Para a presidente da Fundação ParáPaz, Ray Tavares, a prática esportiva é o primeiro passo para um aprendizado social e pessoal mais desenvolvido. “Quando a gente entra com essas atividades nos bairros, eles se sentem atraídos pelo prazer de jogar, mas aproveitamos a oportunidade para ensinar valores importantes. Os esportes ensinam regras de conduta, de comportamento, de respeito ao próximo. Aprendem a perder e ganhar, aprendem o valor do esforço e do trabalho em equipe. É uma formação física, emocional, social, psicológica”, destaca a presidente da Fundação.

Os esportes também estimulam o desenvolvimento cognitivo e a socialização dos participantes. “Na prática dos jogos é possível observar se a criança compreende plenamente as orientações do professor e como ela trabalha em equipe com os colegas. Se houver alguma dificuldade acentuada, realizamos um atendimento mais direcionado”, explica Sandy Brown, gerente do ParáPaz em Marituba. 

Sandy observa que muitas crianças e adolescentes, participantes da atividades esportivas no município, são moradores do bairro Nova União, em Marituba, uma das localidades atendidas pelo programa Territórios pelas Paz (TerPaz), que promove ações articuladas de segurança pública e cidadania com o objetivo de combater a violência e diminuir a vulnerabilidade social.

Ray Tavares observa a importância do trabalho coordenado de diferentes iniciativas na questão da inclusão social. “São iniciativas que atuam de forma conjunta para desenvolver valores de cidadania para aqueles que mais precisam”, destaca. 

A equipe técnica do projeto esportivo conta com professores de educação física, pedagogos, assistentes sociais e psicólogos. Além das práticas esportivas, há atividades programadas de conscientização social com a participação de agentes de segurança pública, como bombeiros e policiais. Os pais e mães das crianças e adolescentes também recebem acompanhamento através de palestras sobre temas como violência sexual, drogas e bullying.

A dona de casa, Socorro Pereira, tinha boas recomendações dos esportes oferecidos pela Fundação ParáPaz e, assim que o neto Jonathan Santos completou 8 anos, providenciou a inscrição dele no pólo de Marituba no início do ano. “É bom desde cedo ele ter uma orientação correta de como se comportar, além de gastar a energia dele em esportes com outras crianças na presença de um supervisor”, observa Socorro. Em uma semana de atividades, Jonathan mostra entusiasmo com o projeto, principalmente nas partidas de futebol. “É um lugar confiável para nossas crianças”, conclui a avó do menino.

Serviço - As inscrições para as atividades esportivas infanto-juvenis do ParáPaz seguem até o dia 31 de janeiro, no horários de 8h30 até 11h30 e de 13h30 até 16h30. Para a matrícula nas modalidades, alguns documentos são necessários: 2 fotos 3x4, certidão de nascimento, comprovante de residência, RG e CPF do responsável, Número de Identificação Social (NIS) do aluno e declaração escolar. 

Em 2020, são desenvolvidas as seguintes modalidades em cada polo:

Polo Mangueirão –  Rod. Augusto Montenegro s/n KM 3. Jogos e brincadeiras; Futsal; Handebol; Basquetebol; Voleibol; Atletismo; Tênis de mesa; Xadrez; Artes marciais; Dança; Balé. 

Polo IESP Marituba – Rod. BR-316 Km 13: Jogos e brincadeiras; Futsal; Handebol; Basquetebol; Voleibol; Futebol de campo; Atletismo; Tênis de mesa; Xadrez; Dança; Balé. 

Polo Distrito Industrial – Rua Zacarias de Assunção, s/n: Jogos e brincadeiras; Futsal; Handebol; Basquetebol; Voleibol; Futebol de campo; Atletismo; Tênis de mesa; Xadrez; Artes marciais/judô; Dança; Ginástica; Balé; Boxe. 

Polo Jurunas - Rua dos Mundurucus, 29 entre Bernardo Sayão e Portal da Amazônia: Jogos e brincadeiras; Capoeira; Ginástica; Futsal; Handebol; Basquetebol; Voleibol; Futebol de campo; Atletismo; Tênis de mesa; Artes marciais; Xadrez; Balé; Boxe. 

Polo Terra Firme – Av. Dr. Celso Malcher, 920: Jogos e brincadeiras; Futsal; Basquetebol; Handebol; Voleibol; Tênis de mesa; Artes Marciais; Xadrez. 

Polo Icuí-guajará – Rua Santa Fé, 1.754: Jogos e brincadeiras; Futebol de campo; Artes marciais ( judô/muai thay) Boxe Xadrez; Natação; Hidroginástica; Ginástica. 

Polo Cabanagem – Estrada do Benjamim, s/n: Jogos e brincadeiras; Futebol de campo; Futsal; Basquetebol; Voleibol; Ginástica; Artes marciais / judô Xadrez; Tênis de mesa. 

Polo UFRA – Av. Presidente Tancredo Neves, 2.501: Jogos e brincadeiras; Futsal; Handebol; Basquetebol; Voleibol; Futebol de campo; Hóquei adaptado; Xadrez; Tênis de mesa; Natação; Hidroginástica; Balé. 

Polo UFPA – Campus 3, Rua Tucunduba, s/n: Jogos e brincadeiras; Futsal; Handebol; Basquetebol; Voleibol; Futebol de campo; Artes marciais/Jiu jitsu; Xadrez; Natação; Hidroginástica; Capoeira; Tênis de mesa; Dança; Balé; Atletismo; Ginástica/ pilates.

Por Igor Oliveira (Secom)

Foto: Ana Paula Lima/ Ascom ParáPaz