Início >> Noticia >> Governo entrega UIPP e Cheque Moradia em São João da Ponta
  • Increase
  • Decrease

Current Size: 100%

Governo entrega UIPP e Cheque Moradia em São João da Ponta

 

“Minha casa é de barro e está muito ruim, com o telhado todo comprometido. Agora terei condições de fazer uma casa nova e ter mais conforto”, disse Rosiele Pereira Leal. A dona de casa, de 24 anos, foi uma das 50 pessoas atendidas em São João da Ponta, no nordeste paraense, com o Cheque Moradia. Além da ajuda financeira, ela e os moradores do município também ganharam, na manhã deste sábado (20), benefícios na área da segurança, com a inauguração da Unidade Integrada Pro Paz (UIPP).

Em doze anos de existência, o programa Cheque Moradia, que integra a política habitacional desenvolvida pelo Estado, por meio Companhia de Habitação do Pará (Cohab), já beneficiou mais de 61 mil famílias, com investimentos que ultrapassam R$ 460 milhões. No último ano, o saldo foi de 12.501 famílias atendidas em 97 municípios paraenses, com aporte superior a R$ 145 milhões em renúncia fiscal. A entrega deste sábado representa um subsídio de mais de R$ 390 mil em benefício de 50 famílias, dinheiro destinado à primeira etapa de construção ou reforma das casas.

"Esse é um programa social do Governo do Estado extremamente importante destinado a quem mais precisa. Essas 50 famílias beneficiadas terão condições de melhorar a moradia e, assim, também a condição de vida", afirmou o chefe da Casa Civil do Estado, José Megale. A entrega foi feita no salão paroquial da igreja de São João Batista.

A tão esperada melhoria também foi comemorada pela dona de casa Ruth Souza Viana, 37 anos. "Há dois anos moramos aqui e sempre sonhamos em ter a nossa casa própria. Conseguimos erguer uma pequena e bem simples, mas agora com o cheque vamos construir uma nova", afirmou. O benefício reacendeu em todos a esperança em dias melhores. "É um sonho de vida que está sendo realizado e que vai nos trazer muita felicidade.  Dar um conforto melhor para os nossos filhos é muito gratificante", acrescentou.

O Cheque Moradia foi criado para possibilitar às famílias, com renda de até três salários mínimos, construir, ampliar ou reformar a casa, ficando a contratação e pagamento da mão de obra sob a responsabilidade do beneficiário. Os valores dos cheques variam de R$ 8 mil a R$ 14 mil. Para ter direito, basta ir até a Cohab e fazer o cadastro. Em seguida, um técnico da companhia faz o levantamento das informações necessárias para a liberação do benefício.

A cessão é feita em duas etapas. A primeira é para a compra de materiais de construção e a segunda para a compra de materiais de acabamento. Ao concluir o uso dos recursos da primeira etapa, e com a construção na altura de persinta, o beneficiado faz a prestação de contas na Cohab, munido das notas fiscais do material adquirido. Somente após esse processo ele é chamado para receber a segunda etapa do cheque para a conclusão da reforma ou construção da moradia.

Segurança – Ainda durante a manhã, São João da Ponta recebeu a UIPP, a 49ª do Estado, que teve investimento de R$ 1.139.074,54 na construção do prédio e R$ 107.761,00 em material de informática e mobiliário. O espaço, localizado na rua Nova, no bairro Pantanal, funciona com polícia comunitária, valorizando a prevenção de crimes e a identificação e resolução de problemas. O trabalho se dá de forma integrada com as polícias Civil e Militar, em parceria com o trabalho de assistência social.

“A união desses aparatos do governo e a aplicação da filosofia da polícia comunitária é que vai trazer a comunidade para mais perto do órgão, que tem a responsabilidade de manter a ordem pública", afirmou o secretário de Estado de Segurança Pública e Defesa Social, Jeannot Jansen.

A UIPP tem o objetivo de prevenir e reduzir a criminalidade em todo o Estado. O retorno para a população vem em forma de mais segurança. "Com a UIPP, toda a comunidade ganha com mais segurança. Vale lembrar que as duas principais missões da Secretaria de Segurança Pública são a prevenção do crime e a repressão qualificada, principalmente o papel da prevenção social. A UIPP possibilita esse trabalho com mais agilidade", lembrou Jansen, adiantando que haverá mais inaugurações pelo Estado. "Até março estaremos entregando pelo menos mais quatro, em município de diferentes regiões".

O projeto é padrão e tem equipe formada por delegados, investigadores, escrivães, assistentes sociais e psicólogos, entre outros profissionais. Este modelo de gestão de segurança pública busca diminuir os índices de criminalidade no Estado por meio da aproximação e fortalecimento dos laços com a comunidade, implantação de políticas sociais do governo, como o Pro Paz e inclusão social.

A UIPP tem nove salas, que abrigam as equipes das polícias Civil e Militar, Pro Paz, além de salas de monitoramento, mediação de conflitos, escrivão, reconhecimento, cartório, espaço de custódia e cinco banheiros, sendo um adaptado para portadores de deficiência. O prédio conta ainda com alojamentos para as guarnições. A UIPP conta ainda com alojamentos, copa/ cozinha e uma sala de convivência para os policiais.

União – José Megale falou destacou a importância das UIPPs como política de segurança pública. “A UIPP é mais do que uma obra física, ela traz mais segurança em todo o município com a estrutura das polícias Civil e Militar, além de todo o aparato dos serviços sociais que permitem um atendimento mais humanizado para a sociedade. Temos que festejar esse momento, pois mesmo com a crise econômica do Brasil, o Pará consegue entregar obras e ir se superando ", reiterou Megale.

O prefeito da cidade, Nelson Almeida Santa Brígida, ressaltou que o avanço só se dá por meio de parcerias. "A segurança não só para São João da Ponta, mas para toda a região, é muito importante. Nesse sentido, a gente tem que se unir, pois só assim somos fortes contra a violência que assola não só o nosso município, mas todo o país. A parceria entre Estado e município é muito importante, pois sem ela não chegaremos a lugar nenhum", afirmou.

No início da semana, também foi inaugurado, em Canaã dos Carajás, o Complexo de Segurança Pública que reúne, no mesmo espaço, uma UIPP, quartel do Corpo de Bombeiros e um ginásio de esportes com praça para atividades de cultura e lazer da Fundação Pro Paz. Resultado de convênio entre o governo do Estado e Vale, o complexo teve ainda apoio da prefeitura local.

 

Lidiane Sousa
Secretaria de Estado de Comunicação