Início >> Noticia >> Início do Conteúdo Versão para impressãoEnvie por email Fundação Pro Paz promove capacitação do Id Jovem em Marabá
  • Increase
  • Decrease

Current Size: 100%

Início do Conteúdo Versão para impressãoEnvie por email Fundação Pro Paz promove capacitação do Id Jovem em Marabá

terça-feira, 8 Agosto, 2017

A Câmara Municipal de Marabá, no sudeste paraense, sediou a capacitação do Programa Identidade Jovem (ID Jovem), do governo federal. O objetivo é garantir que jovens entre 15 e 29 anos tenham acesso a benefícios como meia-entrada em eventos artístico, culturais e esportivos, e vagas gratuitas ou com desconto no transporte coletivo interestadual. No Pará, a operacionalização do programa está a cargo do governo do Estado, por meio do Pro Paz Juventude, da Fundação Pro Paz.

O encontro, realizado nesta terça-feira (8), contou com a presença de quase 150 pessoas, entre gestores da educação estadual e municipal, estudantes, representantes da juventude e gestores das secretarias municipais de Marabá. O objetivo é permitir que a rede pública possa emitir o documento, principalmente nas escolas.

Wallace Leite, 16 anos, aluno do 2º ano do ensino médio na Escola Estadual Plínio Pinheiro, foi um dos alunos a participar da capacitação. Após ouvir a explicação, ele já baixou o aplicativo no celular. “Soube do programa hoje e fiquei muito feliz. Já baixei o aplicativo e emiti meu Id. É um projeto muito bom que os governos federal e estadual estão proporcionando pra gente. Com essa passagem eu pretendo viajar e conhecer outros lugares, uma vez que não pagar o valor da passagem faz muita diferença para nós”, afirmou.

Critérios - O Id Jovem é destinado a pessoas com idade entre 15 e 29 anos, de família com renda mensal de até dois salários mínimos. Além disso, o jovem também tem de estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), e essas informações devem estar atualizadas há pelo menos 24 meses. De acordo com a Secretaria Nacional de Juventude, mais de um milhão de jovens paraenses têm direito ao documento.

 “A intenção é exatamente tirar do papel os direitos da juventude e efetivar essa política pública, que vem ganhando cada vez mais espaço. O governo federal não consegue chegar sozinho a todos os Estados brasileiros, e aqui no Pará o Pro Paz Juventude vem realizando as capacitações para divulgar o programa, além de levar a emissão do documento com a Caravana Pro Paz Cidadania, chegando a diversos municípios do Estado. O Id Jovem proporciona para o jovem acesso à cultura, seja em eventos, teatros, cinema, parque de diversão, pagando a metade do preço ou viajando de graça para outros Estados. Isso é algo muito enriquecedor para a sua construção de vida”, explicou o coordenador do Pro Paz Juventude, Raimundo Rodrigues.

O cartão Id Jovem virtual pode ser gerado após a inclusão e a validação dos dados pessoais no aplicativo para smartphones ou no site do programa. Para os celulares, basta fazer o download do aplicativo e inserir os dados solicitados para gerar o cartão virtual, que fica salvo no próprio aplicativo. Pelo site o processo é semelhante. O jovem deve acessar o endereço do programa e informar os dados cadastrais. Após a geração do cartão virtual, deve salvá-lo como imagem e imprimi-lo. Na Caravana Pro Paz Juventude há agentes e acesso à internet para cadastro no programa.

Por Mayara Albuquerque